água e fogo click jogos

Siga nossas redes

Finanças

Como declarar investimentos em renda fixa no Imposto de Renda 2022?

Veja 3 perguntas e respostas sobre a declaração desse tipo de investimento no IR.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 3 minutos

  • Telegram
  • Flipboard
  • Google News
  • Telegram
  • Flipboard
  • Google News
Imposto de Renda; declaração do IR

Uma das informações que o contribuinte que está obrigado a declarar o Imposto de Renda em 2022 precisa incluir em sua prestação de contas com a Receita é a situação de seus investimentos. Isso inclui, claro, aplicações em renda fixa, que devem ser declaradas de forma correta para evitar que o investidor caia na malha fina.

O água e fogo click jogos preparou 3 perguntas sobre a declaração de investimentos em renda fixa no Imposto de Renda 2022. Para elaborar as respostas, a reportagem ouviu Fabiano Azevedo, contador parceiro da Omie.

“Primeiro, é importante que o contribuinte entenda que, apesar de existir isenção para algumas aplicações em renda fixa, a orientação é que se declare os valores à Receita Federal. E, para isso, é necessário ter em mãos o Informe de Rendimentos fornecido pela instituição financeira”, orienta o especialista.

Veja abaixo as recomendações de Azevedo para declarar investimentos em renda fixa:

Existe algum valor mínimo em investimentos em renda fixa que torna a declaração obrigatória?

Investidores obrigados a entregar a declaração de ajuste anual do Imposto de Renda que, até 31/12/2021, tiveram saldo superior a R$ 140 em renda fixa ou que tiveram rendimentos tributados na fonte com valor superior a R$ 40 mil.

Como declarar os investimentos em renda fixa no Imposto de Renda 2022?

Primeiramente, o contribuinte deve separar os títulos de acordo com as instituições financeiras. Depois deve selecionar no programa gerador da Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda a ficha de bens e direitos e escolher a opção do grupo de Aplicações e Investimentos (grupo 4).

Em seguida, o contribuinte deve selecionar o código 02 para “Títulos públicos e privados sujeitos a tributação (Tesouro Direto, CDB, RDB e outros)”, preencher o campo com o CNPJ que se encontra no informe de rendimentos fornecido pela Instituição Financeira, e também descrever as característica do investimento no campo “Discriminação”.

Já os depósitos em poupança devem ser declarados sob o código 01, enquanto os títulos isentos de tributação (LCI, LCA, CRI, CRA, LIG, Debêntures de Infraestrutura e outros) ficam no código 03.

Leia também:

Quais são os erros que o investidor deve evitar ao fazer a declaração?

Azevedo aponta erros comuns entre os contribuintes e recomenda atenção redobrada para evitar problemas ao declarar os investimentos em renda fixa no Imposto de Renda 2022. Entre os erros mais frequentes estão:

  • não coletar todos os informes de rendimentos das aplicações em instituições financeiras distintas;
  • notas de corretagem das operações;
  • erro de digitação;
  • não declarar os investimentos isentos quando se tem obrigatoriedade por conta dos valores de bens ou até mesmo de rendimentos tributados na fonte;
  • esquecer de declarar PGBL ou VGBL quando composto por renda fixa.

Veja também:

Boletim água e fogo click jogosBoletim água e fogo click jogos
ANÚNCIO PATROCINADOConfira

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Hidrogênio Verde
água e fogo click jogos Mapa do site